Os 3 tipos de livros que você deve ler

Seja por questão de estética ou de saúde, é fundamental que você cuide do seu corpo. Se não tem muita paciência, aptidão ou dinheiro para frequentar para uma academia, saiba que são simplesmente fantásticos os resultados que uma boa corrida ou caminhada no parque, na praia e até mesmo nas adjacências da sua casa podem exercer sobre o seu condicionamento físico, biológico e até mesmo humor, já que também contribuem para a sensação de bem-estar! Penso que quanto mais novos somos, a tendência é que procuremos tais atividades visando primeiramente a questão estética, diferente de quando somos mais velhos, pois tendemos a visar mais a questão da saúde, porém, como eu já disse em artigo anterior, fique à vontade para discordar de mim – seja cético!

Não obstante, saiba que a questão do bem-estar psicológico é resultado dos constantes estímulos que seu corpo fez durante tais atividades e, de modo que você possa fortalecer a sua estrutura mental da mesma forma que faz com a física, o hábito da leitura é para a sua mente o que atividades aeróbicas e anaeróbicas e os alimentos que você ingere são para o seu corpo e aproveito o ensejo para agradecer por você dedicar parte do seu preciosíssimo tempo para saber o que tenho a dizer nestas linhas.

Sinceramente falando, não sei o que é pior: saber que em pleno século 21 o índice de analfabetismo ainda é relativamente alto ou saber que muitas pessoas “instruídas” simplesmente não gostam de ler. Claro: hoje temos recursos audiovisuais como tv, cinema e a própria internet, que possibilitam a troca e transmissão de informações, mas vou me ater ao título deste artigo, que é relacionado aos tipos de livros que você deve ler.

Independente de qualquer coisa, você precisa aprender a ganhar dinheiro, mesmo que seja para manter apenas as suas necessidades básicas. Para isso você precisa ler livros técnicos, que tragam valor para o seu desenvolvimento profissional. Para isso, considere títulos relacionados a marketing, comunicação, vendas e, se for o caso até mesmo a psicologia. Em seguida, assegure-se de se nutrir daqueles de cunho motivacional, como biografias, liderança, autoajuda e até mesmo de romance de negócios ou de lideranças espirituais, até finalmente se dedicar também a leituras que não tenham nada a ver com a sua área de atuação e que o ajudem a pensar fora da caixa . Por exemplo: se você é advogado, procure ler sobre arte ou culinária e vice-versa.

Quando escrevi sobre “A Dieta da informação”, eu falei sobre a importância de se aprender a ignorar coisas, pois acredite, existem coisas que só vão puxar você para baixo e é por esse motivo que você precisa estar bem alimentado psicologicamente. Não se deixe pressionar sobre o tipo de informação que você deve receber – nem mesmo com os meus artigos, se for o caso. Dedique-se ao que lhe faz bem e afaste-se daquilo que só lhe nutre de sentimentos como raiva, medo, angústia, repulsa e outros substantivos negativos que só contribuem para uma obesidade emocional, com base no que já falei no artigo “A outra obesidade”.

Em livros você conhece pessoas que não são necessariamente de carne e osso , mas aprende, ri, chora, se emociona e evolui com elas, uma vez que por trás deles existe muito empenho (inclusive emocional) por parte dos autores e editores, que tiveram a preocupação em proporcionar a você, a melhor experiência possível para que você possa se desenvolver como pessoa, profissional e acredite: neles, você pode, inclusive, encontrar amigos que um dia sequer imaginou.

Portanto, leia, aprenda, evolua, surpanuncio curso gratuito areenda-se e o melhor: faça, que acontece!

Confira mais:

 

  • Maria Marques

    Parabéns! Ótimo texto.

    • Rafael

      Obrigado, Maria! Saiba mais adquirindo um dos nossos eBooks ou cadastre-se agora no nosso curso gratuito!
      Um abraço e e bons negócios!

As dicas mais acessadas